Assista ao Vídeo: FILHO CONTRATA PISTOLEIRO PARA MATAR O PRÓPRIO PAI

0
94

m homem foi preso após contratar um pistoleiro por R$ 10 mil para matar o próprio pai, em Paranaguá, no Paraná. Luiz Felipe Alcala, de 24 anos, chegou a ensinar o atirador a usar a pistola automática da vítima.

O empresário Giovani Charles Alcala, de 47 anos, foi morto a tiros dentro de casa em uma suposta tentativa de assalto. Cerca de duas horas depois do ocorrido, o jovem que atirou foi encontrado escondido na casa e foi preso. Em depoimento, Rafael Anderson Kubiak, de 21 anos, confessou o crime e disse que foi contratado pelo filho de Giovani para cometer o assassinato.

Rafael, que trabalhava para a família, também contou em detalhes como tudo aconteceu. Segundo o atirador, Luiz Felipe alegou que o pai batia na mãe dele e, por isso, queria matá-lo. Os dois então entraram na residência no momento em que todos estavam dormindo para simular um assalto, Luiz chegou a dar todas as orientações para o atirador, além de dar a arma do pai para Rafael.

Após o assassinato, Luiz auxiliou o ex-empregado a se esconder da polícia.

A versão contada em depoimento,foi confirmada por mensagens encontradas no celular do pistoleiro que demonstram envolvimento do filho da vítima no crime. Na delegacia, Luiz não quis falar sobre o caso com a polícia, alegando está muito abalado com a morte do pai.

 

 

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here