Saiba quem é o vereador condenado pela Justiça por ter mandado envenenar 125 cães e gatos

A Justiça do Estado do Rio Grande do Sul condenou um vereador da cidade gaúcha de Bom Jesus como mandante de um terrível crime contra cães e gatos daquele município, fato que ocorreu no ano de 2014. Segundo os autos do processo, na madrugada de 20 de novembro daquele ano, 125 animais morreram vítimas de envenenamento criminoso.

De acordo com as investigações da Polícia Civil, e aceitas pela Justiça, o vereador Rafael Oliveira Siqueira (PP), que atualmente exerce o cargo de presidente da Câmara Municipal de Bom Jesus, teria sido o mandante do revoltante crime.

Os investigadores descobriram que Rafael, que na época ocupava o cargo de secretário municipal de Desenvolvimento, ordenou que Oberdan Callai Chaves e Luis Fabiano Cardoso saíssem pela madrugada daquele fatídico dia espalhando carne envenenada para os cães e gatos de rua. O veneno utilizado foi a Estricnina, usada contra ratos.

O vereador Rafael foi condenado a 2 anos e 2 meses, em regime semiaberto. Oberdan recebeu pena de 1 ano, 10 meses e 13 dias, também em regime semiaberto; e Luis Fabiano Cardoso, condenado a 5 meses e 22 dias. O quarto acusado, Vinícius Chissini Nunes, foi absolvido. Todos podem apelar em liberdade.

Na sentença, a juíza que julgou o caso, Uda Roberta Doederlein Schwartz, afirmou que ficou comprovado nos autos do processo que a conduta do vereador foi entregar a Luís Fabiano o dinheiro para comprar a carne e organizar as mortes. Assim sendo, classificou Rafael como o autor intelectual do crime.

Já em relação a Oberdan, a magistrada afirmou que ele foi responsável por dirigir o carro usado para distribuir a carne com veneno em vários locais de Bom Jesus. Apesar de também ter sido indiciado, a juíza diz não ter sido provada a participação de Vinícius

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here