Presidente da África do Sul renuncia

Opresidente sul-africano, Jacob Zuma, anunciou nesta quarta-feira (14) que decidiu renunciar em meio a acusações de corrupção que levaram o seu partido a deixar de apoiá-lo. O mandatário enfrenta uma série de acusações de corrupção, como a de uso de verbas públicas para reformar sua casa.

A ligação dele com os Gupta, família acusada de subornar autoridades em troca de contratos públicos, também é alvo de escrutínio.

Nesta quarta, a polícia fez uma operação anticorrupção na residência dos Gupta, durante a qual três pessoas foram presas. Tanto os Gupta quanto Zuma negam as acusações.