Corpo de brasileiro desaparecido é encontrado em Dublin

O corpo do brasileiro Caíque Trindade de Oliveira, de 24 anos, foi encontrado no subúrbio de Dublin, na Irlanda, na noite desta segunda-feira (26). As informações são do portal G1. Caíque estava desaparecido desde o dia 6. Ao G1, a mãe do estudante, Valclecia Trindade, confirmou o reconhecimento do corpo do filho nesta terça-feira (27).

“Acharam ontem (segunda) no início da noite e hoje fui fazer o reconhecimento. Fui a primeira pessoa a ser informada”, informou Valclecia, que está na Irlanda desde o desaparecimento do estudante.

Na segunda-feira, Valclecia postou em em uma rede social que policiais tinham achado um corpo e que poderia ser de Caíque: “Após dias de buscas e sem respostas sobre meu filho, Caique, hoje recebi a dolorosa notícia de que um corpo foi encontrado e que possivelmente seja ele. Infelizmente já anunciaram em um jornal local sem a confirmação oficial minha ou da polícia local sobre o corpo. Amanhã saberemos se é ou não o meu filho. Gostaria de agradecer a todos que contribuíram de alguma forma, e gostaria de pedir que respeitassem nesse momento a minha dor e a dor da minha família.”

DESAPARECIDO

Valclecia chegou à Irlanda no dia 08 de Março, depois de ser informada que Caíque havia sumido. Amigos contaram que o estudante estava agindo de forma diferente e com oscilações de humor. Quando chegou a Dublin, a mãe do garoto comunicou a polícia local.

O estudante foi visto pela última vez em Clondalkin, subúrbio da capital Irlandesa, e não retornou mais.

“Sua carteira com dinheiro, cartão de crédito e Leap Card [bilhete de transporte público] foi encontrada no dia 7/3 em um mercado da rede Tesco próximo a casa em que estava morando”, diz a mensagem de Valcleia.

Caíque foi estudar inglês na Irlanda e ficaria cerca de seis meses no país. Sua primeira opção era o Canadá, mas o país não permite ao estrangeiro trabalhar com visto de estudante. Caíque também tentou ir para os EUA, mas não obteve visto.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here