Exames descartam crime envolvendo morte de Avicii

Amorte de Avicii não foi um crime. A afirmação foi feita pela Polícia de Omã, neste sábado (21). Conforme a AFP, a fonte policial que não quis se identificar, declarou que após a conclusão da perícia no hotel Muscat Hills , em Mascate, onde o corpo do DJ sueco foi encontrado, é possível confirmar “totalmente que não existe pista criminal na morte”.

Ainda de acordo com a fonte, citada também pelo The Sun, dois exames realizados logo após o corpo ser encontrado também teriam afastado qualquer suspeita de crime.

Aos 28 anos, Tim Bergling era um dos mais respeitados DJs do mundo. A morte dele foi lamentada por artistas como Madonna, Diplo, Jared Leto. “Tão triste… tão trágico. Adeus, querido e doce Tim. Partiu muito cedo”, escreveu a “Rebel Heart”.

Avicii estava aposentado desde 2016, quando anunciou que pararia de fazer shows ao vivo para cuidar de problemas de saúde. Um deles seria uma pancreatite aguda, agravada pelo excesso de álcool.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here