Secretário de Saúde considera normal arregimentar cargos comissionados para lotar comício de Dino

O secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, não enxerga nenhum ilícito o fato de arregimentar funcionários comissionados da sua Pasta para comícios de Flávio Dino. E olha que ele é advogado especializado em questões eleitorais. 

Ao invés de admitir a prática de abuso de poder ao se utilizar do cargo para convocar seus subordinados a comparecerem no evento político, diz que o único crime foi o vazamento do áudio e que não permitiu a divulgação.

Confira a abaixo a reação nada republicana de Carlos Lula:

Acompanhe o Blog do Luis Cardoso também pelo Twitter™ e pelo Facebook.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here