Professora morre em acidente de trânsito

A professora Emanuelly Almeida, 25 anos, morreu na manhã deste domingo (1º) em um acidente de trânsito na BR-122, a pouco mais de 10 km da área urbana de Quixadá.

A Polícia Civil informou que a vítima seguia viagem no sentido Quixeramobim – Quixadá quando provavelmente ele perdeu o controle do veículo e se chocou com o poste. Teve morte imediata. Ela não transportava passageiros.

O serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado, mas quando os socorristas chegaram ao local a professora já estava morta.

Bombeiros militares também compareceram ao local e retiram o corpo da jovem que ficou preso nas ferragens do Volkswagen Golf pertencente a ela.

Ainda de acordo com a Polícia, a Perícia Técnica deverá informar a causa do acidente. O laudo será remetido à Delegacia Regional de Quixadá nos próximos 30 dias.

Além de professora infantil Emanuelly estava cursando História da UECE na Universidade Aberta do Brasil (UAB) em Quixeramobim. Após a sua morte a instituição decretou luto de três dias e emitiu nota de pesar nas redes sociais.