ASSISTA AOS VÍDEOS – Andrea Murad desafia Flávio Dino e Felipe Camarão…

Deputada diz que faz retratação pública se o governo comunista apresentar a relação detalhada das 730 escolas reformadas – “uma a cada dois dias” – como garantiu Dino em vídeo no interior

 

Em resposta à declaração do secretário de educação, Felipe Camarão, a deputada Andrea Murad lançou um desafio ao chefe da SEDUC e ao governador Flávio Dino, que aparece no vídeo anunciando 730 escolas reformadas, uma a cada dois dias:

“Não posso renunciar ao meu mandato porque pertence ao povo, mas farei uma retratação pública se me fornecerem a relação das 730 escolas reformadas, uma a cada dois dias, como afirmou Flávio Dino” escreveu Andrea que reforçou o desafio cobrando do governador Flávio Dino e de Felipe Camarão a relação das escolas “com nome de cada uma, endereço completo, edital de licitação, valor, resenha do contrato publicado no D.O., ART do CREA, data do início das obras e conclusão da reforma”.

Ontem a deputada protocolou uma representação na Procuradoria Geral de Justiça solicitando que o Ministério Público inspecione o local e investigue a denúncia para que sejam tomadas as devidas providências. A parlamentar rebateu a nota de esclarecimento do Secretário Camarão sobre as péssimas condições em que a unidade Sousândrade se encontra desde que Flávio Dino entrou no governo.

“Há muito denuncio as mentiras dos feitos deste governo, inclusive, de sua secretaria. Notinhas e manifestações como essa que o senhor publicou em resposta à denúncia séria que fiz, do chiqueiro em que se encontra a escola estadual Sousândrade, no Lira, em condições fétidas desde 2015, não justificam nada, apenas confirmam a forma leviana e enganadora utilizada pelo governador Flávio Dino, que, sem ter resultados a apresentar e já no final do seu governo, parafraseando Goebbels, adota a tática de repetir uma mentira mil vezes para que se torne verdade. Lamentável que os secretários tenham esse comportamento, especialmente o senhor que tem formação jurídica. Não resistem a nada que é produzido nos porões da comunicação do governo e aceitam integrar essa organização criminosa que tem na mentira e na perseguição aos adversários seus instrumentos de enfrentamento”, disse Andrea.

A deputada disse ainda que está ansiosa para visitar cada uma das escolas exageradamente divulgadas pelo governador.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here