Todo cuidado é pouco: adversários preparam armadilhas para embaraçar visitas de Roseana

Para quem conhece os métodos violentos de tratar adversários políticos, as práticas nefastas no trato nas redes sociais para desqualificar os inimigos, as perseguições implacáveis para tirar do meio do caminho quem não reza na cartilha comunista, a organização das 30 visitas que a ex-governadora Roseana Sarney começa a partir de amanhã, dia 08, deve ficar atenta com falsas receptividades.

Não será surpresa se nas andanças pelas cidades, Roseana e seu grupo encontram ovos e tomates podres no lugar de flores. Tudo milimetricamente organizado.

Os “militantes”, na verdade os boquinhas do governo devem estar se organizado neste instante para comparecer nas visitas da ex-governadora e bagunçar ao máximo.

Por telefonemas, o titular do Blog do Luis Cardoso recebe informações de que as “manifestações” estão prontamente organizadas e que a ex-governadora poderá até encerrar antes do tempo as visitas políticas achando se que se trata de coisa espontânea dos eleitores.

Ao que parece, estão ressuscitando o regime de Vitorino Freire no Maranhão, sem muitas diferenças do velho para o moderno. Naqueles tempos usava-se a polícia para intimidar ou cooptar. Hoje, é muito igual. Políticos e empresários que o digam.

Criavam-se grupos armados de paus para impedir comícios e de todo expediente para incomodar os políticos contrários. Ao que tudo indica, agora em 2018 não será diferente.